Abrasta apresenta nova diretoria executiva

Eduardo Fróes assume presidência da Associação

A Associação Brasileira de Talassemia começa o ano de 2019 com muitas novidades. E todas estas mudanças objetivam, como sempre, possibilitar o melhor atendimento a todos os pacientes do Brasil e tornar o acesso ao tratamento e qualidade de vida uma realidade para a maior parte deles.

No último dia 21, foi anunciada a nova diretoria executiva. Agora, a presidência da Abrasta fica à cardo de Eduardo Fróes, portador de talassemia e conhecedor assíduo das políticas públicas de Saúde do país. Elisangela Pauli fica na vice-presidência, dando todo o suporte nas ações de apoio ao paciente. Eliane Jorge, também portadora de talassemia maior, será a primeira tesoureira.

A diretoria também é formada por:

Segunda Tesoureira – Rosana Aparecida Spoto Alves


Primeiro Secretário – Fernando Sabino Gomes


Segunda Secretária – Fernanda Rebeque Rebello


Conselho Fiscal – Weber Reynolds Caselatto, Eliana Nadim Saba e Dina Steagall


“Foram muitas as reflexões antes de assumir a presidência da Abrasta, cargo que por muito tempo foi ocupado por Merula Steagall, que muito fez por todos nós talassêmicos. Foram longos anos de conquistas imensuráveis, com sua força e garra, e aproveito o momento para agradecê-la imensamente. Muito obrigado! Em minha nova gestão também terá muito trabalho. Precisamos avançar para que o melhor tratamento esteja disponível em todo o Brasil, pois sabemos que muitos pacientes têm seus direitos negados. Vamos unir esforços com a Coordenação Nacional do Sangue, no Ministério da Saúde, para mudarmos a infraestrutura de muitos hemocentros, que há anos estão sucateados. E, claro, contamos com o apoio de vocês, afinal pertencemos a uma grande família”.